Wonderland

Sonhei com o meu branquinho hoje, ninguém além de mim sabe o quanto dói. Consegui arrumar maconha para as férias e amanhã vou embora dessa cidade. Eu tenho muitos planos. Ontem eu deixei que ele partisse com raiva. Ele foi, eu sabia que ele não dormiria sozinho e usava minha internet para fazer os planinhos dele e estava todo machucado de tanto sexo, parecia uma puta cansada e triste. E se dizia a vítima, enquanto eu enlouquecia na sala sem erva nenhuma para fumar, fumando os cigarros dele. Não tinha bebida. Quem suporta uma coisa dessas? Sexo com camisinha? Enfim, não importa mais.
Tinha um coelhinho e nós corremos atrás dele e rimos muito. Pelo menos eu estava ouvindo rap e todos nós tínhamos olhos vermelhos. Bons amigos sempre arrumam erva quando estou morrendo. Como eu eu amo entardeceres. Só não gosto muito de chuva. Todo o concreto me corrói. Tudo cinza...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Me cobraram recato, eu rasgei o contrato

Ultraviolência

Arco-íris e Tristessa