Postagens

Mostrando postagens de Março, 2013

Experiência

Desça a ladeira amor Aproveite que hoje é segunda-feira E venha dançar Sob a luz do luar Vamos amar Nosso amor é uma besteira Que vai durar a noite inteira E ainda bem que hoje é segunda-feira Porque em outro dia a graça do teu sorriso já não seria a mesma E já estou cansado de gritar seu nome na janela e você não escutar Sem problemas, amor sempre dói Mas já aprendi a amar e tudo que sei é que só se há de tentar Amor é um jogo de azar

Readaptação mal formulada três meses depois do natal

Então permaneço com as cinzas dos meus cigarros e observo cada movimento meu, cada gesto, e ando nas ruas com um outro projeto de algo sem futuro e sem sentimento e sem sentido, enquanto você está em casa eu sei que está pensando em mim, sinto muito, sua confusão não me atingiu porque está tudo muito claro e eu estou andando e não estou sozinha e é noite e faz frio e eu estou bêbada e tentei te substituir com um nada vazio que me faz ficar distraída e você fica com ela por uma tarde e segura aqueles cabelos lindos e cacheados e observa aqueles movimentos e pensa em mim novamente e me vê em alguma esquina enquanto aquele do passado me procura porque ninguém ama ele mais do que eu, mas porque eu não fico com ninguém que eu amo? Porque os filhos da puta me valorizam mais que os meus amores. Ele cansou dos pornôs e veio atrás de mim porque já não tinha mais ninguém para comer, mas eu não saí atrás dele, eu me vesti e abri a porta, mas pensei e vi que não valia a pena. Como ass…

Apogiaturas

Descansava surda Me despertaste sem pudor Não corri, assenti. Caí e ainda estou caída Falar de culpas não é a saída Fuja o mais rápido que puderes Entendi que realmente o que vem fácil, vai fácil Estou afogada em lágrimas E diferente de ti, já não sei rimar

Flores, poemas e chocolate

Talvez eu estivesse errada o tempo inteiro, a vida inteira. Talvez meus filhos tenham os olhos verdes sim. Brinquem num jardim bonito. Vistam roupas de marca. Escutem música clássica. Talvez nenhum deles nunca me deixe entrar em seus mundos, porque talvez não seja meu lugar. Talvez eu mereça uma coroa. Talvez eu use sapatos de marca e more num bairro nobre. Talvez não ajude ninguém a ser feliz e não complete ninguém. Talvez eu tenha bastante dinheiro para viajar à Europa. Porque no mundo dele, as meninas são outras, são lindas, dançam bem, têm cabelos, peles, pernas, sorrisos e bundas muito mais bonitos que os meus. Fazem sexo melhor do que eu. Duvido... Enfim, a história se repete, repete, repete, repete, repete, repete... Eu apenas não entendo o porquê, entretanto, nada como um dia após o outro dia.

Até aonde sei, você continua vivo.

Admito ser uma desocupada que te encontrou de propósito. Novamente tentando apagar a réplica que eu pensava ser boa e que eu também usei para apagar o filho da puta original até descobrir que a réplica era tão filha da puta quanto o original. Parece muito confuso, mas quando falei pela primeira vez com você não senti nada, porque estava muito ocupada e distraída, não estava iludida a esse ponto que me encontro agora. Mas eu sei como cheguei até aqui. A culpa é sua. Isso mesmo: toda sua. Eu estava calma, na minha, até que todos os dias você me procurou, achei bonitinho isso, mas sabia que um dia isso acabaria e deixaria cicatrizes muito feias. Entretanto, acabou mais rápido do que eu imaginava. Realmente lamentável. Eu não faço ideia do que houve, mas avistei um abismo entre nós, e chorei. Pensei em me atirar, mas não tive coragem. Procurei-te, te senti diferente, mais frio, me senti diferente, mais fria. Chorei. Doeu. Não te procurei novamente. Ouvi dizer que você est…

Eu ouvi promessas, e isso não me atrai

Esse é o lixo ao qual me submeti para acabar exatamente como eu imaginava. Não, não como eu imaginava, mas como eu queria. Q-u-e-r-i-a, ou seja, já não quero mais, porque minha realidade é outra. Meus sonhos se resumem em receber pouco, muito pouco. Prometeram-me amor, carinho e atenção incondicionais, me prometeram falta de rotina, me fizeram poemas de amor. Mas não é isso que eu busco, essa coisa inconstante de paixões solidificadas, porém tempestuosas, porque renovar-se todo dia não é dar amor incondicionalmente. De onde tiraram essa ideia maluca de que eu quero minha rotina quebrada? Eu gosto da rotina, porque ela me traz segurança e porque nunca nos lembramos de coisas que não chegaram a se repetir.             É óbvio que a minha realidade também não é aquela, mas também nunca foi a de nenhum deles, porque eu sou de outro mundo. E me vem aquela atração desmedida de que sinais diferentes se atraem, e sinais iguais se repelem. Eu já passei por muitas fases, queria uma estação para…

Não existe acaso, existe amor

Amanheci na solidão e chove sem parar.Estou bem, porque tu estás bem e espero que possamos estar bem juntos, logo.                 Fico feliz por ter alguém em quem confiar, porque sei que tudo passa e que nas ruas eu preciso de casa. Um lar quente, sonhos pulsantes, amigos que me façam rir. A distância complica as coisas, mas um dia ela se quebra, porque existe uma dimensão em que não há tempo e espaço mensuráveis, apenas a força do pensamento voando livre e buscando ao mor. Sou fiel às minhas virtudes e te amarei enquanto suportares minhas complexidades naturais.                 Não tenho preconceitos e a imagem não me impressiona por muito tempo. Prefiro sentir, fomos criados para emitir e receber amor. Não quero sofrer, quero me regenerar sem confundir as coisas.                 Quero renascer a cada dia com um amor maior e com um sorriso teu.

Tanto faz

Eu só queria dizer que hoje sonhei com você. E que vocês ficam lindos juntos e espero que casem e tenham muitos filhos, porque eu tenho outro caminho também. O fato de você nunca ter se importado faz com que eu não me lembre de você tão constantemente quanto antes. Ps.: Eu chorei por você hoje, seu filho da puta.

Arranhões de gato

Minha cabeça está atordoada, mesmo que não seja culpa de ninguém, mesmo que seja por causa do tempo e da distância. Porque se não fosse assim, já não estaria aqui, já haveria voado para longe, onde não me alcançariam teus gritos e tuas manipulações corrosivas. Nunca sorri de verdade perto de você, é uma pena porque tenho tanto a oferecer, a doar, embora as coisas corram para um lado triste e suicida, quase um corte de relações, eu te amarei até a morte. Desculpa se não sou perfeita, mas você também não é, nunca foi. Tento falar bem de você para os outros, mas os adjetivos positivos são ditos da boca para fora. Cada vez que você mente, finge não me escutar, perde um pedaço de mim e isso nunca vai mudar se você não mudar. Vou provar que apesar de tudo que tu julgas e projetas a respeito de mim, eu posso fazer as coisas tão bem quanto o ideal que imaginas, porque o que tenho dentro de mim vai muito além de frases soltas, tenho um coração cheio de amor podre e vencido, po…

Prestações adiantadas

Encontrar e deixar-se levar é tão bom, andar sabendo aonde quer chegar, embora sem direção, vendo que é tão ideal, porque é algo que se quer, não é loucura. Andar pelas ruas imundas sem saber onde se está e sem medo de quase nada, porque a proteção que o amor traz não se paga.  Realizando umas das projeções mais desejadas que substitui outras com muito menos futuro porque não valia a pena, porque eu já desisti e não pretendo voltar atrás, até porque quando se conhece o paraíso não se quer voltar para o inferno.                 Escuto palavras previsíveis e sorrio à toa, como se a vida fosse boa, e o tempo não passasse e o amor fosse eterno e inabalável e vencesse tudo... Vou colorindo meus dias cinzas de chuva, e reatando velhos cabos arrebentados, jogando fora outros sem conserto e matando o tempo. Tenho até fumado menos, por falta de tempo talvez.                 A cada dia que passa, eu vou aumentando os planos ao mesmo tempo em que solidifico algo que pode desabar…

Claro como água

Há essas horas eu já não me importo mais. É difícil de acreditar que eu consiga estar tão indiferente, sendo que há duas semanas eu estava tão ocupada em te adorar e me esforçar para demonstrar isso. Eu sei que sou invisível para você, sempre fui. Tanto faz, porque eu me dediquei tanto a isso e não tive nenhum retorno visível, e tudo bem, existem pessoas que aceitam meu carinho e me devolvem algum sentimento também, homens, não garotos. Ainda assim, garoto ou não, já deveria ter entendido algumas coisas básicas da vida, como sinceridade, consciência, consideração por qualquer pessoa, garota ou não. Eu enfim consegui entender o que você não sente quando me vejo fazendo as mesmas coisas que você faz tentando evitar algumas pessoas, e tudo está tão claro... Eu só não entendo o porquê de tanta indiferença. Você realmente não se importa o quanto isso me machuca. Bom, isso não me machuca tanto, não mais. Tenho escutado os conselhos de pessoas que se importam comigo e eles n…

Verbo: Desapegar-se

Tenho acordado feliz nos últimos dias, com sentimentos renovados no peito, cheia de poesia esbanjada, cheia de esperança no futuro, no amor e na arte em geral. Apesar de tantos “nãos”, de tantos “eu sinto muito, mas não vai dar”, de tantos “rs” irônicos, forçados. Alguém que quer me ver melhor vale todos os esforços e todo esquecimento de gente filha da puta e cega, porque não adianta ter bom coração e não expor os sentimentos para quem te quer bem. Sinto-me presenteada pela Deusa Afrodite, porque depois de meditar com ela algumas vezes e dela me dizer coisas que eu não queria escutar, mas que eram verdade, eu fui guiada para algo muito melhor, e fico tão feliz com isso, meu sentimento já não cabe, nem a saudade cabe...                 Avancei muito essa semana e estou bem com isso, o humor está melhor, as coisas dando certo, pessoas que se aproximaram e fizeram a diferença, trazendo um pouco de luz e calor para meu coração tão despedaçado e dolorido. Por noites inteiras…

Segunda fase

Queria encontrar uma maneira de resgatar o que eu costumava sentir por ti há pouco tempo atrás, semanas talvez, menos de um mês. Porém, sei que não será possível, porque já não sou a mesma. Busquei em vão justificar minha existência te trazendo para minha vida, mas tu não quiseste vir, não aceitaste ser resgatado do teu mundo para participar do meu.                 De ti, eu já não espero mais nada além da tua maneira previsível de agir e se comunicar comigo, repetindo as palavras e reproduzindo sorrisos falsos e curtos.                 É incrível como eu não consigo deixar essa minha mania absurda de te ter nos meus sonhos, entretanto a chama está ficando cada dia mais apagada. Meu coração é frágil demais, bobo demais. E ele grita pelo teu nome, busca por ti e te sente e te quer, quer cuidar, amar, mas reclama que não consegue, porque tu não deixas e isso dói demais.                 Estudei tua rotina por meses e te conheço bem, ou melhor, conheço teus hábitos diário…

Devaneio

Eu não saí do submundo e nunca precisei que ninguém me salvasse de nada além da minha própria personalidade corrosiva que faz parte da circunferência da sociedade de onde vim, onde não há nada que seja tão grave a ponto de me fazer perder o sono. Pode ser que a maior parte da minha dor seja superficial, e é por isso que preciso da tua ajuda para me fortalecer frente a esse contraste que eu gostaria que nos unisse de alguma maneira. Mas não une, pelo simples fato de que tu não te sentes capaz de completar ninguém, e eu não me sinto a vontade te propondo nada, como um amor profundo ou um romance de verão, porque para ti não bastaria. Não és fácil de lidar, e talvez seja isso que me atraia em ti, essa quieta rebeldia que me faz passar noites em claro, sozinha ou acompanhada, fazendo planos irrealizáveis que só existem na minha mente aquariana e consequentemente, sonhadora.

Reflexos

Ela olhava a própria imagem no espelho tentando entender porque os anos haviam deixado-a assim. As rugas tomavam conta do seu rosto e cada traço era resultado de dor, sofrimento, alegrias, preocupações e amores, entre outros mil sentimentos que marcam os corpos de qualquer pessoa. Sentiu um peso sobre si, começou a tremer e viu que tantos anos de vida não suportavam a morte, não compensavam a passagem, porque não era possível comprar o tempo. O que restava de sua vida era a poesia dolorosa da saudade, e seu passado começou a ecoar em sua cabeça e sua memória falhava em cada tentativa de lembrança. Juventude e velhice se fundiram num contraste vibrante, fazendo com que nada mais fosse encarado da mesma maneira, porque pensando bem, ela percebeu que não houve tempo perdido, pois tudo valeu a pena no momento do desejo impensado.             Olhou fundo em seus próprios olhos e viu a bagagem da experiência presente no seu olhar cansado. Sentiu a lentidão de seu raciocínio e re…