Cinderela das ruas

Eu estava louca para ir à Chácara novamente e sentir as curvas que o ônibus faz indo por aquele caminho, passando pela Gare onde nos vimos pela primeira vez. Nunca poderei esquecer do momento em que te vi sentado sozinho e tive que dizer que sempre quis te beijar, e te beijei, te beijo, quero continuar te beijando. Queria mesmo, um dia só viver contigo para sempre.
Me deixando com o cheiro do teu perfume e me pedindo para não voltar para a leste, me dizendo para só trazer minhas coisas, sonhando com quando construa um quarto só teu e me deixe viver contigo, como num sonho que parece impossível, mas que em alguns momentos, parece dar certo e ser verdade. Olhando bem dentro dos meus olhos e me dando o abraço mais longo que alguém já me deu na vida, cheio de intervalos com suspiros fundos e cortantes, sentindo todo teu carinho, podendo te dizer qualquer coisa, mas ficando sem palavras para explicar esse sentimento. A pizza que tua mãe fez e a coca-cola me deixaram muito feliz. Amo dividir comida com quem eu amo. Chegaram as dez horas e tive que ir embora. Adoro te ver crescendo e sendo sempre melhor. Muito melhor do que eu me tornei. Tenho vergonha das minhas decisões e atitudes retrógradas, desagradáveis e más. Sinto meus vícios me consumindo, mas sempre soube que teria que lidar com o meu caos, da forma mais natural possível, com todos os sinais do meu corpo, com todas as pulsações, sejam elas de orgasmos ou socos. eu não posso fugir de mim mesma.
Não quero desistir de escrever.
Não quero contar os detalhes.
É somente quando escrevo que eu me liberto, e posso dizer toda verdade, enfeitando-a como eu quero. Endurecendo-a mais ou enchendo de flores.
E posso dizer que eu sei fazer amor sem tocar alguém. Eu sei mostrar tudo que é sensual em mim sem tirar a roupa. Dessas coisas me orgulho. Também me orgulho da minha consciência sobre as coisas e o mundo. E o peso do mundo e o do meu corpo eu carrego, e suporto com dor. sim e vivo de luto. Me expliquem como conseguem ser felizes na crueldade desse mundo insano?


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ultraviolência

Me cobraram recato, eu rasgei o contrato

Arco-íris e Tristessa