Vazio existencial

Odeio quando ainda não é noite escura ou madrugada e as pessoas ficam transitando na rua, querendo um lugar, se empurrando, e eu querendo estar tranquila fumando um...
Ele não quer mais me ver, onde foi parar tudo?
Gosto quando bate a inspiração e eu olho a lua, uma música boa toca. Quando tenho sentimentos de criança nada me abala verdadeiramente, mas isso é tão momentâneo, faço de tudo para eternizar, mas foge da minha mão, a ação do tempo destrói coisas e edifica outras.
Ninguém sabe dos meus critérios e dos meus problemas. Ninguém conhece minhas lutas internas para eu ser quem sou. Sou uma desilusão, com o tempo me percebo, mas não consigo saber de tudo que é bom para mim.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ultraviolência

Me cobraram recato, eu rasgei o contrato

Arco-íris e Tristessa