Melodia

Algum dia nossos encontros celebrados e normalmente casuais, acontecerão novamente. O dom que tenho para te encontrar em qualquer rua e sem predição, sem querer, te tenho por alguns momentos, vagos, perdidos no tempo e em algum lugar de mim faz com que eu perceba que não há razão para ter uma ordem de fazer as coisas e nem mesmo motivo para não deixar sua própria personalidade existir, sem promessas ou glórias.
Nenhum cigarro é capaz de surtir o efeito de distrair ou deixar o tempo passar enquanto eu não aprender que não há tempo algum para deixar o descaso acumular medos.
Estive escutando teu som novo, a produção, a tua voz, a tua rima despertando a mente dos poetas loucos e amantes da rua.
Admito que errei.
Meu baseado acabou.
Mas pelo menos chegou pelo correio pequenos passaros, da anaïs nin, sem que eu pagasse um centavo.
Sorte do dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ultraviolência

Me cobraram recato, eu rasgei o contrato

Arco-íris e Tristessa