Asfixia, (é Natal!)




É Natal, tempo de perdoar, amar, ficar junto da família, ganhar presentes maravilhosos, esperar o ano novo, assistir filmes sobre Jesus e blábláblá.
E se eu não quiser fazer parte disso? Se eu quiser ficar aqui no meu canto como se fosse um dia comum - e é.-
Eu sei, o Natal se tornou uma desculpa para fazer todas as coisas que eu mencionei acima. Mas dizer simplesmente FELIZ NATAL! não muda NADA. continuaremos com nossas vidas miseráveis e sem sentido, até porque o verdadeiro sentido do Natal está muito longe de presentes e "eu desejo a você". - ou não-  É o nascimento de Jesus. Mas e daí? Por que é que todo mundo quer colocar tudo isso goela abaixo? As pessoas não entendem que nem todo mundo é igual. 

Não me lembrem desse dia em que a depressão toma conta de mim e em vez de ficar com a família fico nostálgica lembrando dos que já morreram.

Eu não tenho religião. Não defendo nem o ateísmo nem qualquer outra religião que seja. Sou imparcial.Sou do mundo. Acontece que NÃO SUPORTO A IGREJA CATÓLICA. Essa igreja que pensa poder mandar nas pessoas e  instituir ideias doentias e formais sobre assuntos inventados pelos próprio integrantes da igreja. e isso vem sendo provado ao longo dos anos. Se eles realmente servissem a algum deus, eles não usariam aquelas roupas luxuosas, mas usariam o dinheiro deles para ajudar as milhões de pessoas famintas, desabrigadas, doentes, pobres. para a igreja católica inventar livros da bíblia e queimar gente é normal.

Eu simplesmente não consegui sossegar. É muita pressão, muito peru, muitas luzes, muita influência dos Estados Unidos. Isso me sufoca. O pior é que de qualquer forma, acho que nunca vou conseguir fugir desse dia.
Ano que vem tem mais...

TODO DIA É DIA DE MUDAR.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Me cobraram recato, eu rasgei o contrato

Ultraviolência

Arco-íris e Tristessa