o futuro é logo ali

Eu e a minha mania de planejar um futuro longe, sempre fui assim. Mas agora o futuro que eu esperava já está muito perto de mim, e o mundo deu tantas voltas inacreditáveis... E vendo assim, parece que não valeu à pena tanta preocupação, tanta dor, tanta agonia, tanto amor jogado fora, tanto tempo perdido. Mas a vida é tão furacão, é inevitável arrepender-se.
Esperarei por um futuro longe novamente, feito de outras realidades, outros sonhos. Os arrependimentos de qualquer maneira me fizeram crescer muito, aprender coisas que eu precisava saber. E se algo não aconteceu é simplesmente porque não deveria, é porque não era a hora certa, era porque eu não estava preparada. Bom, eu sei que tudo isso é uma bobagem, essa história de hora certa é uma enorme besteira, mas faz sentido. Eu sinto saudade de tantas coisas, e eu errei tantas vezes, e ainda tem tanto por vir, que minhas lágrimas já não são mais salgadas, elas são doces. Doces e lindas. E eu já quase não escrevo poesia.
Eu tenho um destino, mas eu ainda tenho que me acostumar com tantas coisas, fazer tantas escolhas, esquecer tantas pessoas... Eu não pretendo esquecer as coisas que me aconteceram, quero apenas deixá-las para trás e mergulhar em algo novo.
E já perdi a vontade de fazer tantas coisas que eu queria tanto antes. É quase inacreditável o rumo que as coisas tomaram e a rapidez com que elas acontecem. mas talvez seja melhor assim, tenho mesmo que aprender que o mundo não gira em torne de mim, se chove ou faz sol, quem tem que se adaptar sou eu, não posso culpar nada, é assim e pronto. Há coisas que não se pode mudar; se chove, esperarei a chuva acalmar. Espero sinceramente tomar a decisão certa se por acaso o certo existir.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Me cobraram recato, eu rasgei o contrato

Ultraviolência

Arco-íris e Tristessa