Bom dia mundo de merda

Esqueci os conceitos que aprendi, porque não os aprendi na prática e eles não fazem tanta diferença agora. Cada vez me liberto mais. Suponho a felicidade como algo imune a conceitos. Construí o lugar onde estou e não preciso de porquês. Arrasto-me nas horas e não observo o relógio, caminho e não observo o percurso, como e não absorvo nada em meu corpo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tango, sangue e revolução

(pre) tensão