O amor é fodido


         Esse negócio de amor só é bom até não te fazer mais mal do que bem. Mas no final, ele sempre vai te fazer mais mal do que bem, porque é isso que o faz tão perturbador e vital. O prazer do precipício não tão alto, mas cheio de pedras e os escombros te engolem na queda e a queda é tão demorada que você morre antes mesmo de cair, de medo. Olhando de cima, é miragem, oásis, tudo perfeito, tudo em paz. Quando na verdade o caos está ali, ofuscando com a neblina da ilusão e você se joga sem pára-quedas e você se fode. O amor é fodido. Fim.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Me cobraram recato, eu rasgei o contrato

Ultraviolência

Arco-íris e Tristessa